Mitos e Verdades sobre o Cabelo

Mitos e Verdades sobre o Cabelo

posted in: Dicas | 0

Passar as mãos nos cabelos com frequência pode aumentar a oleosidade?

Sim, pois as mãos mesmo limpas levam sujeiras e gordura para os cabelos, deixando-os mais oleosos e pesados rapidamente. Por este fato, os cabelos não devem ser manuseados com frequência, pois esse processo ativa as glândulas sebáceas que aumentam a oleosidade.

É verdade que o cabelo “vicia” nos produtos usados com frequência?

Na verdade, o que ocorre é que há um acúmulo de nutrientes nos fios, criando barreiras para a penetração dos ativos nos cabelos que acabam os deixando sem viço. É exatamente isso que faz parecer que o produto perde o efeito.

Recomendamos o uso semanal de Shampoo Kiqui’s Anti-resíduos que, alternados com seu shampoo habitual, deixam seus cabelos sempre brilhantes e vistosos.

Conheça também o Shampoo para Limpeza Profunda da Alpha Line, com Juá, poderoso adstringente, agente tensoativo e estimulante da circulação periférica.

Água fria deixa o cabelo mais brilhante?

Sim, já que a água excessivamente quente estimula a produção das glândulas sebáceas. No inverno recomenda-se temperaturas mornas para lavar os cabelos tendo asssim o resultado de um cabelo com mais viço.

Deixar creme de tratamento no cabelo o dia inteiro otimiza o tratamento?

Deixar o produto mais tempo que o especificado pelo fabricante pode mais atrapalhar do que ajudar, pois o acúmulo dos cremes deixa as madeixas oleosas. Além de observar o tempo de ação do produto, recomenda-se jamais aplicar o produto na raiz dos cabelos e sim no comprimento em direção às pontas. O bom resultado de cada produto depende do modo de aplicação indicada na embalagem pelo fabricante e não do longo tempo de permanência.

Posso colorir e relaxar os cabelos no mesmo dia?

Não. Após a coloração é recomendado aguardar o prazo de 30 dias para tingir os cabelos e após o relaxamento, pelo menos duas semanas para a nova coloração.

Conheça a Coloração Instantly Color Alpha Line, em Creme com Silicone e Óleo de Argan.

Deixe um Comentário